Vou contar um segredo:

Acho que umas das coisas que mais faço nessa vida (além de postergar grande parte das coisas que tenho, por obrigação ou não, fazer) é olhar para o céu. E bem, confesso que ao analisar as postagens do blog percebo que grande parte das coisas envolvem ele.


Prometo que não faço por mal, mas sabem, quando olho para o céu tenho a sensação que posso falar com o Pai sem interrupções, sem que haja 3 outros apartamentos acima de mim, ou telhados e tals.



Não consigo não sorrir ao ver o céu com tantas cores, não consigo não pensar que meu Paizinho fez tudo isso. Não consigo não agradecer o simples fato de enxergar e por essa razão conseguir presenciar fatos tão simples, mas tão belos.

Confesso que muitas vezes já olhei para os céus em busca de ajuda, levando muito em conta o que está contido em Salmos 121. 1,2: "Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra" (tá que no versículo fala do monte, mass o céu também conta, certo?)  E graças à Ele consegui essa ajuda. Consegui ver que não estou sozinha e que Ele está sempre comigo.


Quando olho para os céus lembro que acima de mim há um Deus que zela por mim, e que não me deixa só. Que sabe dos meus pensamentos mais inusitados, das minhas manias mais estranhas e das minhas preocupações mais bobas.

Quando olho para o céu tenho a tranquilidade de que, independente do que aconteça, o sol irá surgir (mesmo que se trate de um dia nublado) e uma hora a noite irá chegar, mas meu Deus estará acima dele a me guardar.

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Back
to top