Já pensou em orar hoje?

by - segunda-feira, novembro 27, 2017

Muitas vezes quando você está num dia ruim, difícil, ou até mesmo muito feliz, você acaba por pensar se as pessoas que estão ao seu redor também se sentem assim.


Sou um pouco assim, quando estou muito pensativa fico observando as pessoas ao meu redor, por vezes já me peguei pensando se elas fazem ideia do que estou passando, se já passaram por algo assim, ou se minha cara me entrega.

Já tiveram momentos em que apenas fiquei olhando pela janela do ônibus buscando encontrar um motivo sério para ter preocupação, afinal, para muitos sou jovem, tenho muito o que aprender e tenho a vida inteira pela frente. Mas sabe? Não encontrei. Acho que a preocupação por motivo algum é tão séria quanto às outras.

Existem pessoas por aí que sabem lidar muito bem com problemas do dia a dia, ou fingem saber lidar, mas costumo pensar nas pessoas que se desesperam e, mesmo assim, encontram no desespero uma solução. 

Já pensaram na pessoa que derramou café numa pilha de documentos? Ou naquela que protocolou um e-mail errado, ou até mesmo o apagou? Já pensaram na pessoa que dormiu até 12h e perdeu meio dia do trabalho? Ou naquela que se desencontrou do filho enquanto ia buscá-lo na escola?

Eu penso. Pois pensar nelas me faz ver que em momentos tão atípicos e desesperadores irá existir uma saída.

A pilha de documentos? A pessoa pode ter uma cópia, ou pode trabalhar com pessoas que aceitem o documento com algumas manchas de café. Se não aceitarem? "Podemos pedir outras cópias, senhor?".

O e-mail? Não o encontrou? Não conseguiu enviá-lo para você para depois protocolar no local certo? "Ah, você encontrou o número da pessoa que lhe enviou!" "Bom dia. Teria como encaminhar mais uma vez o e-mail? Desde já agradeço!".

Perdeu o horário? "Chefe, posso chegar um pouco mais cedo pelos próximos dias e fazer 30 minutos a menos do meu horário de almoço? Tentarei pagar minhas horas".

Quanto a se desencontrar do filho... Bom, em algum lugar sempre vai existir um irmão perdido que virá correndo até você para dizer que seu filho está bem e que está na casa dele em segurança.

Se apesar de todos os esforços e tentativas isso tudo não der certo, te pergunto já pensou em orar hoje?


Você pode gostar também

0 comentários