Banheiro, choro e leitura

Enquanto minhas primas estavam aqui eu tentei ler alguns livros, mas como queria aproveitá-las não conseguia prestar muita atenção, porém, quando elas foram embora e eu ficava alguns momentos sozinha na casa da Lila (sozinha porque mamãe, Marcel e Lila trabalhavam, Lettícia dormia toda a manhã e depois começou a estudar e Mª Eduarda tava na escolinha. Então só restava euzinha na companhia de um livro, a Bíblia, um caderno e uma caneta), comecei a ler com mais intensidade.

O livro em questão foi "Ser é o bastante - Felicidade a Luz do Sermão do Monte", livro esse que a Lila tinha me emprestado e que há pouco tempo me deu de presente! E bem, confesso que ler esse livro foi uma das coisas que mais me ajudaram a não cair mais uma vez numa depressão.

Sim, esse é o mesmo caderno em que estão escritos todos os posts dessa jornada por Portugal

Isso porque eu só chorava, quando estava perto de mamãe e Lettícia tentava ser forte, mas quando estava sozinha, ou quando ia ao banheiro tomar banho, nossa... eu só chorava, aquele choro que todo seu corpo treme que chega doer, mas que você não emite nenhum som, para que ninguém escute seu desespero. Sendo sincera o choro no banheiro começou desde que minhas primas estavam aqui, até escovar os dentes era complicado, porque me olhava no espelho e só chorava.

Mas depois que comecei a ler e passei a me concentrar em outra coisa que não fosse a tristeza de estar longe e nunca mais voltar, comecei a perceber que o melhor para mim naquele momento (e vejo isso como no agora também) era estar aqui. Os planos de Deus para minha vida, para eu amadurecer e conhecê-Lo um pouco mais, estavam aqui.

Amo o céu azul e árvores, então achei essa foto legal pra colocar aqui.

Então passei a não chorar apenas por doer, chorava, óbvio, mas sempre que eu chorava porque doía falava com Deus "Pai, está doendo, tipo MUITO, não sei porque vim para cá, mas de uma coisa sei: Sua vontade é melhor que a minha, Seus planos, sonhos e desejos são maiores que os meus. Então que a Sua vontade permaneça e que eu possa não apenas ser feliz e estar triste, mas que eu possa ser feliz e estar feliz, pois assim como diz o livro "Ser é o bastante" encontrando Contigo conquisto a felicidade que transpõe todas as tristezas. Em nome de Jesus peço que cuide de mim e do meu coração, amém!

Posso dizer que, mesmo com todas as dificuldades em mudar de vida, você acaba conseguindo seguir. Você deixa de ficar se martirizando e percebe apenas o quanto é cuidado e o quanto as coisas estão dando certo, principalmente, se você tenta pensar com muita frequência que, mesmo que não estejam dando certo agora, uma hora vão!

Por que digo isso? Bem, eu fiquei mesmo triste, tinha medo da vida e, principalmente, de ficar doente, mas antes mesmo de eu saber Deus já estava cuidando de tudo, e o melhor, Ele estava cuidando de mim e da minha família.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Morando em Portugal - Por que vim para cá?

Morando em Portugal - O início

Criar expectativa é uma merda!